sexta-feira, 28 de agosto de 2009

UM TEMPO QUE PASSOU (Sérgio Godinho)




Video: YouTube

8 comentários:

angela disse...

Linda.
Gosto muito dele.
Abraços

Regina Fernandes disse...

"... o tempo escorreu..."

Lindo demais. Ele sempe escorre, não é mesmo?!?

Bjs amigo
Ótima semana

Sonia Schmorantz disse...

Boa semana !!
Repartir suas alegrias
é como espalhar perfumes sobre os outros:
sempre algumas gotas
acabam caindo sobre você mesmo!
abraço

angela disse...

O "Blog Day Org" instituiu que se faça no dia 31 de agosto de cada ano, um post indicando um blog que não tenha nada a ver com nossa area de atuação habitual. É a primeira vez que participo e apesar do atraso ainda esta aconteceno.
Indiquei seu blog para participar, pode verificar em: http://entremeios-angela.bogspot.com/


Leia tambem:http://www.blogday.org/pt.htm

Joalex disse...

Caro amigo Victor Gil,
Muito obrigado por ser o 1º seguidor do meu blog.
As carrinhas da Gulbenkian fazem parte do meu imaginário de infância, pois fui um leitor assíduo da Biblioteca Itinerante nº 18 de Miranda do Corvo, até entrar para o serviço militar aos 16 anos. Sentia-me feliz quando ia à Biblioteca entregar os livros já lidos e regressava com outros envoltos em mistérios que iria desvendar até à próxima visita da carrinha. As Bibliotecas Itinerantes representam para mim uma época de sonho e romantismo, que deixou as suas marcas, pois elas tiveram um papel importantíssimo na democratização da cultura. Daí o cabeçalho da minha página.
Em relação ao teu blog, acho que ele cumpre uma missão importante, sobretudo nos tempos conturbados que vivemos. De facto, agora mais do que nunca, é preciso não deixar esquecer Abril, sendo a poesia e a música armas muito importantes nesse sentido.
Força amigo! Um abraço.

elisa...lichazul disse...

victor


obrigada por tu visita :=)
que tengas un día precioso y lumínico
con las mejores vibras siempre

Chris disse...

Subtilezas que o tempo reconhece...
Um abraço e parabéns por este seu espaço.
Abraço
Chris

maria disse...

Poema extraordinário
na voz de um dos meus artistas
de eleição
Deixo omeu carinho